0

O Porque e Como do SIW

Written By: Ruben Zevallos Jr.

J vi muitos projetos para Internet irem para o buraco, porque o ele teria muito dado dinmico, relatrios etc, mas foi totalmente guiado por profissionais de design e no de sistemas.

Da mesma forma, que j vi projetos no chegarem ao seu devido lugar, porque os profissionais de sistemas no tinha o conhecimento e viso do potencial da interface web.

A Interface Web Poderosa… e quando falamos em Sistemas com Interface Web – SIW, nos temos um mundo totalmente novo de possibilidades, principalmente na to falado Return Of Investiment – ROI, bem como reduz os custos com:
- Instalao de sistemas
- Atualizaes
- Treinamento
- Equipamentos caros e poderosos
- Licenas de sistemas operacionais dos clientes
- Licenas de servidores de banco de dados e processos

Fora, que os SIW do um maior poder para ambos os lados e esse grande poder, est nas opes que voc pode incluir aps o a extenso do arquivo, como ex.: arquivo.asp?o=10&t=20. O ? o cara que no meu ver, a grande diferena perante os sistemas GUI – Interface de Usurio Grfica. A idia, que voc pode chamar o mesmo programa (script) para executar funes ou comportar-se de maneiras diferentes a qualquer momento, com somente um clique do mouse.

Muitos podem dizer que a Interface Web complexa e de difcil desenvolvimento e manuteno. Eu concordo em nmero e grau, mas isso tambm acontece com qualquer ambiente, at mesmo o antigo Clipper no DOS.

Os SIW so poderosos e valem todo custo que voc tiver, porque com certeza a sua organizao reduzir os custos em comparao com os sistemas, que vamos chamar de legados. Este o principal motivo, que vejo do porque estudar, pesquisar e investir nos SIW.

O motivo de enfatizar tanto o SIW, que no estou falando em sites dinmicos, estou falando em verdadeiros sistemas, mas sendo executados totalmente na Interface Web. Podemos fazer qualquer sistema 100% baseado em ASP/PHP/JSP/etc + Browser. Se voc puder usar algum componente ActiveX/Java, voc aumenta o poder e se ainda usar XML, no ter limites.

Porque ento no h tantos SIWs no mercado?
As ferramentas existentes, esto sempre focadas nos sistema com o foco em Design, Pgina e Resultado. Com isso, voc obrigado a estar sempre pensando em pginas em vez de programas, para voc obter um resultado, voc ter que copi-lo para tantos programas/pginas que voc precisar… isso vai bem, quando estamos desenvolvendo, mas chega o designer ou o cliente e diz que quer uma pequena mudana… Pronto… Tudo que voc fez vai por gua baixo e voc ter que refazer MUITA coisa.

- Voc poder dizer, mas eu tenho algumas bibliotecas de funes etc etc…
- Outros podero dizer, que por isso que o SIW no to bem quisto
- A falta de ferramentas outro problema
- Que ainda falta o ambiente maduro o suficiente, apesar de ter o ASP 6, PHP 5, JSP sei l das quantas , Cold Fusion MX YZ 2000 Plus…

O que falta realmente mtodo e coragem
Lembro-me quando coloquei a mo no Clipper Winter acho que 86, eu s olhei, tinha algumas folhas de manual e mais nada… olhei para aquilo tudo, peguei o conhecimento que tinha de Cobol, Mumps e Basic e sai testando… o negcio era ler e gravar dados, ler e apresentar na tela e depois, mandar para impressora.

O complicado, foi sozinho sacar disso tudo, usando algumas pginas do manual em ingls (meu ingls no era l essas na poca), alguns exemplos e muita, mas muita imaginao mesmo.

Depois de alguns dias, sai com um pequeno sistema com entrada de dados, sada na tela e algumas listagens… sucesso… foi at fcil, comparando-se com o trabalho que foi com o Mumps ou Cobol.

Novo conceito de apresentao
Os SIW, no meu ver, parecem na realidade com relatrios impressos, ou terminais de vdeo TTY, onde voc tem que pensar durante a apresentao, sempre da esquerda para a direita e de cima para baixo – LR-TD (right-left, top-down). Quando digo impressora, porque isso mesmo… uma vez enviado para o Browser, voc no tem mais como corrigir o que foi enviado, s se voc cancelar a pgina e reenviar, mas a pgina/dados enviados, j foram processados/impressos.

Se voc olhar para os sistemas GUI, voc ter um outro conceito, totalmente baseado em objetos fixados na tela com o posicionamento absoluto, totalmente gerenciado pelo ambiente de desenvolvimento – IDE. Acho que esse em parte o grande problema dos programadores atuais. Antigamente, quando voc se dizia programador, voc realmente colocava a mo no cdigo, voc tinha que escovar bits para encontrar aquele famigerado BUG. Voc realmente programava.

Novo mundo, velhos conceitos
O SIW no deve ser visto com os mesmos olhos dos sistemas GUI e sim com um olho no futuro, mas usando conceitos antigos, do tempo do terminal de vdeo TTY, que no meu conceito, o Browser isso, somente um terminal inteligente e grfico.

Porque terminal inteligente? Nos idos tempos dos terminais, quando se ligava computadores com lingia, os terminais eram quase todos burros, ou sejam, s apresentavam dados e os inteligentes, tinham funes programveis, como validao de campos no teclado, entre outras coisas… O Browser pode ser comparado a isso, porque podemos incluir MUITA coisa usando Java Script e/ou Java e/ou ActiveX.

Eu vejo o Browser, como um terminal inteligente, onde apresento o que quero sempre LR-TD e coloco alguma inteligncia para ele chamar algum programa usando a ? com parmetros para que o programa em questo tenha o comportamento baseado nessa facilidade.

A sada padronizar
O padro, era tudo o que usvamos nos terminais… sempre usvamos telas pr-definidas, pedaos de cdigo sempre padronizados, porque queramos reduzir o tempo de testes, naquele tempo, voc enviava um cdigo para compilar, e o pegava 1 a 2 dias depois, ento, voc precisava escrever tudo, testar de cabea, antes de mandar para a produo… hoje em dia, somos preguiosos, programamos e testamos na hora…

Quando digo padronizar, digo fazer isso mesmo… procurar sempre criar um mtodo padronizado para que o seu trabalho seja reduzido ao longo do tempo. Use formulrios padronizados… relatrios… listagens e tudo mais. No fique reinventando a roda a cada projeto… pense sempre que voc ter que alterar e/ou dar manuteno no seu prprio cdigo catico.

Sempre fiz isso, desde meus primeiros programas… quando aprendi o tal do Gosub no Basic, eu achei maravilhoso ficar evitando ter que redigitar o mesmo cdigo vrias vezes e sempre que tinha que mudar, tinha que sair correndo o cdigo para alterar todas as linhas. Quando voc padroniza, voc acaba criando sua biblioteca e com isso, poder sempre evolui-la sem ter que mudar todos os cdigos dos seus sistemas.

E os outros?
Bom… eu sempre tive um grupo de amigos em todos os ambientes, sendo que na sua maioria fora do meu ambiente de trabalho. Sempre estvamos trocando idias, experincias e at cdigos, mas isso era sempre tudo muito subjetivo e/ou por impressos e depois, por disquetes…. imagine s isso?

Precisamos sempre estar trocando idias, vendo novos conceitos, melhorando o nosso cdigo e ferramentas a cada dia. A Internet nos d esse poder, o poder de deixar a disposio a sua idia, cdigo e at problema, para que outros usurios possam aprender ou at ajud-lo.

Compartilhe o que voc tem… tudo o que voc tem MUITO precioso, lembre-se que cada idia simples que voc tiver, pode ser aquela coisa que faltava para resolver um grande problema. No se sinta inferiorizado, porque algum fez algo aparentemente melhor que voc… pegue a idia, o conceito e faa para voc, ou ainda, j que estamos no tempo do Open Source, pegue o cdigo, melhore e colabore com o autor e se torne co-autor.

About the Author

Analista de Sistemas, especialista de projetos para Internet desde 1993, projetista e mantenedor de diversos sites no Brasil, como os sites da FAMEM e Porto do Itaqui.

Previous post:

Next post: